RECOMPOSIÇÃO AMBIENTAL

  • MEIO AMBIENTE 2

As operações de lavra são realizadas seguindo um planejamento prévio e adotam rotinas importantes para melhor viabilizar a posterior recuperação ambiental. Algumas dessas práticas são:

– Recomposição topográfica: obtida pelo preenchimento controlado das cavas com material extraído no corte em operação. Nesta etapa é respeitada a ordenação das camadas originais, com a colocação das rochas (siltitos) na porção mais baixa do corte, sendo recobertas na sua porção intermediária por argila e na porção superior com solo vegetal.

– Recolocação de solo vegetal: em todas as áreas a serem recuperadas é colocada uma camada de solo vegetal na superfície. Este material é de fundamental importância para obter-se uma boa recuperação, e por isso é exercido um rigoroso controle em termos de conservação e aproveitamento.

– Controle da erosão: É feito através de práticas mecânicas e culturais. O monitoramento da erosão é feito constantemente e conforme a avaliação são repetidos os procedimentos de contenção.

– Correção da qualidade dos solos: para melhorar as condições de fertilidade e de qualidade dos solos das áreas recuperadas é feita a correção e adubação por meio de calagem e adubos orgânicos e minerais.

– Revegetação: a revegetação é a etapa de implantação de vegetação nova, efetivando a recuperação propriamente dita. A escolha das espécies adotadas neste trabalho é baseada nos resultados verificados anteriormente e critérios de localização.

Apoio

Conheça as iniciativas sociais

Saiba mais sobre sustentabilidade

Apoio

instituicao_300x250

Conheça as iniciativas sociais

Saiba mais sobre sustentabilidade